Devaneios Aleatorios


Devaneios Aleatorios

Sol, vento, cabelos esvoançando
negros como a noite, noite, calma
clamando sempre por mais
mais… do que?
violencia, medo, amor
qual a diferença desses sentimentos
e da dor?
Um homem anda sozinho
procura, caça, se esconde
nunca encontra
no calor frio da cidade distante
vagando como um errante
nada lhe parece fazer sentido
Mas em meio a esses devaneios aleatorios
ele sabe que não é apenas mais um
todos vagam sem direção
fazendo suas escolhas em meio a um caos de possibilidades
destino sendo traçado
loucura passageira, torna-se permanente
se pudesses mudar o passado nunca sairia do presente
Mas oque dizer agora,
se lá fora a chuva começa a cair
sozinho cansado, molhado
estou só mas posso ver os outros
nao leio seus pensamentos
mas posso ver suas angustias
como petalas mortas
em um mar em furia

Anúncios

Sobre ykizbr

Por que sempre perguntam isso? Ver todos os artigos de ykizbr

2 respostas para “Devaneios Aleatorios

Compartilhe sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: